Igreja Universal realiza casamento coletivo simultâneo em 49 países

17 0

Mais de 27 mil homens e mulheres se casaram nesta quinta-feira (12) em celebrações coletivas realizadas em templos da Igreja Universal espalhados em 49 países, nos cinco continentes. Apenas no Brasil foram 11.361 uniões.

Em São Paulo, o Templo de Salomão, localizado no bairro do Belém, zona leste de São Paulo, reuniu 256 casais. O número é mais que o dobro do ano passado, quando foram realizados 121 casamentos no mesmo dia. A celebração aconteceu sob o comando do bispo Renato Cardoso, acompanhado da mulher, Cristiane Cardoso.

“Isso mostra que as pessoas que acreditam no amor ainda querem se casar. Ao contrário do que muitos dizem por aí, que casamento está saindo de moda. Esse número expressivo é um sinal disso”, comenta o bispo.

A cerimônia foi transmitida ao vivo para quem não pôde estar presente, como os familiares de Natália e Cássio Mendonça, que viajaram cerca de 2.500 km desde Belém (PA) para se casarem no Templo de Salomão.

"As pessoas que acreditam no amor ainda querem se casar"
Bispo Renato Cardoso

“O local em si tem uma representatividade dentro desta experiência tão marcante para nós. Além do nosso casamento, podemos contemplar o Templo. É uma experiência inesquecível”, afirma Cássio, que antes da entrevista, fotografava a agora esposa.

União internacional

Esta foi a primeira vez que o evento acontece em outros países, ao mesmo tempo e na mesma data. Apenas seis nações (Camarões, Costa do Marfim, Guiné Equatorial, Nigéria, Zâmbia e Nova Zelândia) farão a cerimônia em dias diferentes ao longo dos meses de outubro e novembro.

No Brasil, a primeira celebração ocorreu em junho de 2014 e, até hoje, 23.934 noivos já se casaram nos eventos da Universal. Os casais que se unem nas cerimônias de casamentos participam de palestras da Terapia do Amor, onde recebem conselhos sobre como obter sucesso na vida amorosa.

Carlos Eduardo Ramalho e Daniele Caires, também recém-casados, dizem reconhecer os desafios da vida conjugal. “Para o nosso casamento dar certo e nós sermos felizes, cada um tem que fazer sua parte. E a minha é lidar com a minha raiva”, conta Daniele. “A gente sabe que a convivência a dois não é fácil, é algo que vamos enfrentar diariamente”, complementa o marido.

Daniele não conteve as lágrimas quando perguntada sobre a cerimônia. “Foi mais do que imaginei. Eu nunca imaginei nem me casar, e ver [os outros casais conosco] foi muito gratificante, muito emocionante”, conta.

Outro que declarou a importância do local da cerimônia foi Rodrigo Lima, parceiro de Viviane Lima há sete anos, quando ela tinha 15 anos. “Eu abriria mão de casamento em castelos, o melhor terno, a maior festa, para ficar aqui, diante de Deus, diz o recém casado.

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 1,1 milhão de brasileiros se casam anualmente. O instituto aponta também que a idade média de casamento dos homens passou de 27 para 30 anos e a das mulheres de 23 para 27 nos últimos 40 anos.

Os 49 países onde foram celebrados casamentos simultâneos nesta quinta foram: na América, Costa Rica, EUA, Haiti, Nicarágua, Guatemala, República Dominicana, Santa Lúcia, El Salvador, Honduras, México, Panamá, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Trinidad e Tobago, Uruguai e Venezuela; Na Europa, Alemanha, França, Holanda, Inglaterra, Irlanda e Portugal; Na África, África do Sul, Angola, Benin, Botsuana, Burundi, Gabão, Gâmbia, Guiné-Bissau, Lesoto, Madagascar, Moçambique, Namíbia, Quênia, São Tomé e Príncipe, Sudão do Sul, Tanzânia, Uganda e Zimbábue; Na Ásia, Filipinas e Japão; e na Oceania, Austrália.

Leia mais notícias de Brasil

Comments

comments

Related Post