Maníaco dos Jardins foi reconhecido por 21 mulheres

26 0

Adson Muniz dos Santos foi preso e reconhecido por 21 vítimas

Adson Muniz dos Santos foi preso e reconhecido por 21 vítimas
Reprodução

Vinte e uma mulheres já reconheceram o homem acusado de se passar por um policial federal e produtor de TV para roubar e violentar as vítimas.
A polícia acredita que mais vítimas deverão comparecer à delegacia para fazer o reconhecimento do suspeito, que ontem (12) teve a prisão temporária decretada.
Desde quarta-feira, 14 mulheres já foram ouvidas pelo delegado que investiga o caso. Elas relataram que Adson Muniz, de 32 anos, cometia roubo, extorsão e tentativa de estupro.
A polícia recebeu ligações de mulheres que residem em outros estados afirmando que foram vítimas do maníaco dos Jardins, nos últimos três meses.
Adson Muniz se aproximava das vítimas dizendo que era policial federal ou produtor de TV. Em uma abordagem, o homem afirmou que estava produzindo um reality show e marcou um encontro com a vítima em um shopping. A mulher desconfiou da história e avisou o namorado que fotografou o criminoso durante a conversa.
Ele tentou convencer a mulher a ir com ele para um hotel, onde seria realizada um teste para o programa. A jovem se recusou, e, dias depois, soube da prisão e dos crimes praticados pelo maníaco.

Outro lado

Na realidade, Adson é suplente de vereador na cidade de Jussiape, no interior da Bahia.

O suspeito é também alvo de uma ação de indenização por dano material, movida por uma advogada, no valor de R$ 100 mil. À polícia, ele negou os crimes e afirmou que só praticava atos sexuais consentidos.

Comments

comments

Related Post