Litoral

Menino atingido por tiro sem perceber fará cirurgia para retirar bala alojada perto do coração


Menino foi atingido por uma bala perdida enquanto brincava em uma praça de São Vicente, no litoral de São Paulo, no Réveillon. Ele ficou brincando um tempo, até a dor aumentar, e pedir socorro à mãe. Menino estava brincando e não percebeu que havia sido atingido por uma bala
Arquivo Pessoal
O menino de 13 anos atingido por uma bala perdida enquanto brincava, depois da virada de ano em São Vicente, no litoral de São Paulo, vai ter que passar por uma cirurgia para a retirada do projétil, alojado bem próximo ao coração. A informação foi confirmada pela mãe dele ao g1 nesta quarta-feira (5).
Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram
Guilherme Carvalho da Silva está internado desde a madrugada do dia 1º, quando foi atingido pelo disparo sem perceber, enquanto brincava na Praça Cora Coralina, no bairro Catiapoã. A mãe dele, Priscila Sabino da Silva, chegou a pensar que o menino estava com má digestão, quando ele reclamou de dor na barriga, pois ele havia acabado de cear quando foi brincar com os amigos.
A mãe só percebeu que ele havia levado um tiro quando levantou a camisa do adolescente e percebeu um ‘furo’ na região do abdômen, e um pouco de sangue. Eles seguiram para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Zona Noroeste, onde foi constatado o ferimento por arma de fogo, e a criança foi encaminhada para a Santa Casa de Santos.
LEIA TAMBÉM
VÍDEO: roubos nas areias de Copacabana no réveillon
Engenheiro mata a esposa a tiros na virada do ano na Bahia
Qual é a origem dos rituais de Ano Novo no Brasil?
“Ele suportou a dor sem saber que era uma arma de fogo. Graças a Deus, o coração dele está em perfeito estado, não teve nenhum ferimento [no coração]. Fiquei em estado de choque, é uma sensação inexplicável. A sensação é de que a gente não pode fazer nada para ajudar o próprio filho, fica de mãos atadas”, diz.
Menino estava brincando e não percebeu que havia sido atingido por uma bala
Arquivo Pessoal
O menino passou por uma primeira cirurgia. Depois, a equipe o avaliou, segundo a mãe, e decidiu que não seria preciso fazer a retirada do projétil. No entanto, na noite desta terça-feira (4), foi constatada a necessidade de remover a bala, devido a riscos. “Ele teve alta da UTI, e está na enfermaria. Acabamos de receber a notícia de que ele vai operar. Só peço que continuem em oração por ele”, finaliza.
A Polícia Militar foi acionada para atender ao caso na manhã seguinte, e encaminhou a ocorrência ao 1º DP de São Vicente, onde foi registrada como lesão corporal e disparo de arma de fogo. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a unidade está com diligências em andamento para esclarecer a origem do disparo que feriu o adolescente.
VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »