Mundo

Dezenas de manifestantes e 13 policiais morrem em protestos no Cazaquistão


Rússia enviou tropas ao país aliado, que vive onda de protestos que culminou na derrubada do governo. Carro incendiado em frente ao prédio da Prefeitura de Almaty, no Cazaquistão, que foi destruída durante protestos desencadeados pelo aumento do preço dos combustíveis, em 6 de janeiro de 2022
Pavel Mikheyev/Reuters
Dezenas de manifestantes e 13 agentes de segurança morreram em confrontos no Cazaquistão, país asiático que vive uma onda de manifestações que culminou na queda do governo. Segundo a TV estatal, dois policiais foram decapitados.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »