Litoral

Santos adia desfile das escolas de samba no Carnaval 2022


De acordo com a prefeitura, decisão foi tomada devido ao aumento de casos de Covid-19 e de gripe. Nova data ainda não foi definida. Santos adia desfile das escolas de samba no Carnaval 2022
Luciana Moledas/g1
O prefeito de Santos, no litoral de São Paulo, Rogério Santos (PSDB), anunciou nesta segunda-feira (10) o adiamento dos desfiles das escolas de samba no Carnaval 2022. De acordo com ele, a medida foi tomada para evitar a proliferação de casos de Covid-19 e de gripe. Uma nova data ainda não foi definida.
O anúncio foi feito durante coletiva de imprensa na noite desta segunda, no Paço Municipal. De acordo com dados divulgados pela prefeitura, entre o começo de dezembro e o início de janeiro, com relação aos atendimentos nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), houve aumento de 400% nos casos de gripe registrados por dia. Com relação à Covid-19, neste mesmo período, o aumento foi de 680%.
Sobre os exames laboratoriais de Covid-19 nas redes pública e particular, o prefeito explicou que houve um crescimento de cerca de 907% de casos confirmados entre o começo de dezembro e o início de janeiro. “Ao mesmo tempo, o nosso quadro de ocupação de UTI mostra estabilidade, sem dúvida nenhuma causada pelo alto índice de vacinação”, destaca.
Rogério Santos também reforçou que é necessário manter o uso de máscara, a imunização completa e evitar aglomerações. “A decisão tomada hoje com a Liga [das Escolas de Samba de Santos – Licess] é que o desfile não acontecerá no feriado de carnaval. Está adiado o desfile, as apresentações. A prefeitura sempre recomenda a não ter eventos que aglomerem, então, nada mais justo que não fazermos aglomeração”, afirma o prefeito.
Ainda de acordo com o chefe do Executivo municipal, seria inviável manter a programação agora na cidade, com o aumento dos casos de Covid-19 e de gripe H3N2. O presidente da Liga das Escolas de Samba, Fábio Przygoda, afirmou que a decisão deve ser respeitada, diante do atual cenário. “Não podemos colocar a vida das pessoas em risco, que é a coisa mais importante que tem”, destaca.
Em outubro, a prefeitura já havia divulgado que as bandas carnavalescas que circulam pelos bairros estavam vetadas no Carnaval 2022, devido à tendência de aglomeração de foliões. Até então, os desfiles das escolas de samba haviam sido mantidos, e seriam realizados nos dias 18 e 19 de fevereiro.
Em novembro, a ordem dos desfiles das escolas de samba chegou se ser definida. O evento aconteceria na Passarela Dráuzio da Cruz, na Zona Noroeste, e no total, 15 agremiações iriam desfilar, incluindo uma escola convidada, seis do Grupo de Acesso e oito do Grupo Especial. Porém, toda a programação foi adiada nesta segunda, e o prefeito afirmou que ainda não há nova data definida para o evento, mas que espera-se que ainda ocorra este ano.
União Imperial, campeã de 2019, no Desfile Oficial das Escolas de Samba de Santos daquele ano
Divulgação/Prefeitura de Santos
N
VÍDEOS: As notícias mais vistas do g1

Deixe seu comentário sobre esta noticias

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »