Mundo

Trump: invasão russa da Ucrânia é consequência de líderes mundiais ‘não mais’ respeitarem a América

O ex-presidente Donald Trump alertou que atores globais nefastos como o autocrata chinês Xi Jinping estão observando a resposta do governo Biden à invasão russa da Ucrânia , sugerindo ainda que seus preparativos não foram suficientes para evitar tal crise.

Em uma entrevista exclusiva com ” Hannity “, Trump disse que nada do derramamento de sangue que Putin está exigindo dos civis ucranianos aconteceria se ele ainda estivesse no cargo.

“É tão triste porque isso nunca teria acontecido. Se tivéssemos o governo Trump, não havia chance de que isso acontecesse. E eu conheço [Putin] bem, e isso não era algo que ia acontecer”, ele disse. disse.

Trump acrescentou que os inimigos dos EUA provavelmente foram encorajados pela retirada fracassada de Biden do Afeganistão, que deixou 13 militares americanos mortos e bilhões de dólares em tecnologia militar americana pronta para ser tomada.

O presidente Donald Trump se encontra com o presidente russo Vladimir Putin na Cúpula do G20, sexta-feira, 7 de julho de 2017, em Hamburgo.

“Não é nem mesmo crível o quão incompetente isso foi, a forma como eles se retiraram ou se renderam, ou o que você quiser chamar”, disse ele.

“Coisas ruins começaram a acontecer… Vou lhe dizer que Putin estava assistindo e o presidente Xi estava assistindo e os líderes no Irã estavam assistindo, e Kim Jong Un estava assistindo, a Coreia do Norte. Todos estavam assistindo”, disse Trump ao apresentador Sean Hannity .

“Eles não respeitam mais nosso país. E foi assim que isso aconteceu. Isso nunca teria acontecido.”

Trump disse que teve uma “conversa muito forte” com o presidente Putin enquanto ele estava no cargo, e que Putin não teria invadido a Ucrânia durante o governo Trump.

“E ele entendeu, e não vou entrar em grandes detalhes da conversa porque ninguém precisa saber disso. Mas vou lhe dizer, nunca teria acontecido se fôssemos se… eu fosse presidente”, disse ele. .

Trump acrescentou que a vice-presidente Kamala Harris envergonhou os Estados Unidos durante sua viagem a Varsóvia nesta semana, comentando que ela “riu [como] uma louca” ao discutir a guerra na Ucrânia com o presidente Andrzej Duda.

“Temos pessoas lá que são extremamente incompetentes. E você sabe disso, assim como todo mundo.”

Fonte Fox news

Deixe seu comentário sobre esta noticias

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »