Tecnologia

Controladora do Google tem menor crescimento de receitas desde 2013 e ações caem 7%


Alphabet registrou receita de US$ 69,1 bilhões no terceiro trimestre, mas ritmo menor de crescimento decepcionou investidores. Fachada do Google em Irvine, Califórnia
Reuters/Mike Blake
A Alphabet, controladora do Google, registrou faturamento de US$ 69,1 bilhões de dólares no terceiro trimestre deste ano. Houve alta de 6% em relação ao mesmo período de 2021, mas este foi o menor crescimento de receitas da empresa desde 2013, o que decepcionou o mercado.
Por volta de 13h30 desta quarta-feira (26), as ações da Alphabet eram negociadas com queda de 7% na bolsa de valores de Nova York.
Compartilhe no WhatsApp
Compartilhe no Telegram
No balanço divulgado na terça-feira (25), a companhia informou que teve lucro de US$ 14 bilhões entre julho e setembro de 2022. O resultado ficou abaixo das expectativas do mercado.
No período, o Google teve um leve crescimento de receitas com publicidade, que subiram para US$ 54,5 bilhões. Mas as receitas do YouTube com publicidade caíram 2%, para US$ 7 bilhões, enquanto analistas esperavam um pequeno avanço.
iPhones terão mesma entrada de celulares Android, diz vice-presidente da Apple
iPhone 14: g1 testa aparelho ‘mais acessível’ da linha atual
Os resultados refletem cortes orçamentários dos anunciantes por causa da inflação e da valorização do dólar em relação a outras moedas.
“Foi um trimestre difícil para a publicidade digital. Os ventos macroeconômicos contrários foram suficientemente fortes para que o Google diminuísse as contratações para aumentar os seus lucros”, resumiu Evelyn Mitchell, da Insider Intelligence.

Deixe seu comentário sobre esta noticias

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »