Tecnologia

Escolas públicas de Nova York banem robô ChatGPT contra ‘cola’ de alunos


Robô conversador tem feito sucesso por capacidade de escrever textos e resolver problemas de matemática de forma rápida, entre outras tarefas que impressionam usuários. ChatGPT é inteligência artificial criada que tem resposta para quase tudo
Jakub Porzycki/Reuters
O departamento de Educação da cidade de Nova York decidiu banir o ChatGPT para evitar que alunos usem o robô conversador como “cola” para escrever textos e resolver problemas de matemática, entre outras tarefas que a tecnologia pode lidar.
ChatGPT: conheça o robô conversador que viralizou por ter resposta para (quase) tudo
“Devido a preocupações com impactos negativos na aprendizagem dos alunos e preocupações com a segurança e precisão do conteúdo, o acesso ao ChatGPT é restrito nas redes e dispositivos das escolas públicas da cidade de Nova York”, afirmou a porta-voz do departamento de educação Jenna Lyle ao g1 em um comunicado.
“Embora a ferramenta possa fornecer respostas rápidas e fáceis para perguntas, ela não desenvolve habilidades de pensamento crítico e resolução de problemas, essenciais para o sucesso acadêmico e ao longo da vida.”
VÍDEO: veja como o ChatGPT funciona
Conheça o ChatGPT, a tecnologia que viralizou por ter resposta para (quase) tudo
VEJA TAMBÉM:
Almofada robótica, mesa de bicicleta e ‘tradutor’ de bebês: as inovações reveladas na CES 2023
Microsoft prepara versão de buscador Bing baseada no robô ChatGPT para desafiar Google
Limitações da tecnologia
Essas são apenas algumas das tarefas que a tecnologia resolve, motivo que a levou a viralizar no mundo pouco mais de um mês desde o lançamento e levantar novas discussões sobre como a inteligência artificial pode substituir o trabalho de humanos.
O robô conversador ainda pode escrever roteiros de vídeos, romances, dar conselhos amorosos e sugerir códigos de programação.
Apesar das qualidades, a plataforma tem uma série de limitações e anda está em fase de testes. Alguns usuários levantaram suspeitas de que ChatGPT pode inventar referências de estudos científicos.
O robô também pode cometer erros básicos em pegadinhas de lógica ou em resposta a perguntas que exijam conhecimentos atualizados.
Perguntado pelo g1 sobre a decisão do Departamento de Educação, o ChatGPT respondeu que achava compreensível ter sido banido como uma estratégia para garantir que alunos aprendam e se desenvolvam.
ChatGPT responde sobre ter sido banido de escolas em Nova York
Reprodução/ChatGPT
Como testar o ChatGPT?
Qualquer pessoa já pode testar o chatbot da OpenAI. A empresa pede para os usuários criarem uma conta antes e, em poucos minutos, já é possível interagir com a inovação.
Acesse o site chat.openai.com/chat;
Toque em “Sign up” para criar uma conta;
Depois, “Create an OpenAI account”;
Informe um e-mail, senha e confirme a criação da conta;
Após a confirmação, toque em “Try it” no topo da tela;
Inicie a conversa com o ChatGPT.
Durante o período de teste, pode haver instabilidade devido ao número alto de acessos.

Deixe seu comentário sobre esta noticias

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »