Tecnologia

M3gan, a boneca assassina, poderia se tornar real? Entenda


Seriam necessárias ao menos quatro tecnologias em conjunto para que um brinquedo como o do filme existisse no mundo real. Especialistas dizem que M3gan está muito longe de se tornar realidade. A boneca M3gan em cena de ‘M3gan’
Divulgação
Um robô assassino, como a personagem “M3gan”, do filme homônimo de terror lançado em 2023, poderia se tornar real? No longa, M3gan é programada com inteligência artificial, mas sai do controle ao tentar proteger uma criança.
M3gan, o robô assassino, poderia se tornar real?
Segundo pesquisadores, seria necessário incorporar ao menos quatro tipos diferentes de tecnologia para que fosse possível a criação de uma boneca como M3gan. São eles:
Inteligência artificial
Sensores de reconhecimento espacial
Controle corporal
Autoconsciência
Os sensores são necessários para que a robô enxergue a criança e detecte sentimentos, como tristeza e alegria.
A inteligência artificial, por sua vez, diz respeito ao processo de mimetização da inteligência humana para executar tarefas, que podem se aprimorar com base nas informações que eles coletam.
Já o controle corporal é a tecnologia que permitiria que o robô tivesse desenvoltura, por exemplo, para dançar, como M3gan faz em uma cena do filme.
E a autoconsciência diz respeito ao conhecimento que o robô tem sobre sua própria existência no mundo, algo que o aproximaria de um indivíduo.
Especialistas que estudam robótica afirmam que a combinação desses fatores, da forma vista em “M3gan”, está muito longe de se tornar realidade.
Relembre:
Google afasta engenheiro que diz que sistema de Inteligência Artificial tem consciência
Programa de inteligência artificial da Microsoft causa novos problemas
Assista ao trailer de ‘M3gan’
É possível se prevenir de uma situação como a do filme?
É importante lembrar que um sistema tecnológico é programado por alguém. Por isso, quem desenvolve o robô, por exemplo, pode acrescentar regras de modo a coibir que situações saiam do controle.
Além disso, no campo da ética, as três regras da robótica, criadas pelo escritor de ficção científica e bioquímico Isaac Asimov, são citadas para guiar o desenvolvimento dessas tecnologias. As regras são:
Um robô não pode ferir ou permitir que um humano sofra;
Um robô deve obedecer às ordens de humanos, exceto se essas ordens ferirem a regra 1;
Um robô deve proteger a própria existência, exceto quando ferir as regras 1 e 2;
Além das 3 regras, Asimov também afirma que um robô “não pode causar ou permitir que causem mal à humanidade”, o que iria frontalmente contra a atividade de M3gan. As orientações do escritor, no entanto, são apenas um guia ético, mas não uma obrigação para os desenvolvedores.

Deixe seu comentário sobre esta noticias

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »