Brasil

Pesquisadores da UFMG concorrem a prêmio de inovação na área da saúde


Logo Agência Brasil

Pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) estão entre os finalistas de um prêmio internacional de inovação em saúde. Foram produzidas vacinas contra a covid-19 e para tratamento de dependência em cocaína e crack.

Um dos projetos é a vacina SpiN-Tec para a covid-19. De acordo com o professor Helton da Costa Santiago, do Departamento de Bioquímica e Imunologia, o imunizante, que ainda está em desenvolvimento, inova ao estimular a imunidade celular e garante proteção mais duradoura contra o coronavírus.

Notícias relacionadas:

A Calixcoca é a segunda vacina que concorre ao prêmio. Desenvolvida pelo professor Frederico Duarte Garcia, o imunizante está na fase de testes pré-clínicos e busca o tratamento de dependentes em cocaína e crack.

Os professores afirmam que, se ganharem o prêmio, vão investir os valores em novas pesquisas.

Votação

Para participar da eleição é preciso ser médico e ter registro profissional nos países em que a patrocinadora da premiação tem negócios. A votação vai até 28 de junho.

O valor total do prêmio é de 1,05 milhão de euros, equivalente a R$ 5,4 milhões. O valor será dividido entre 12 categorias participantes.

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »