Tecnologia

Microsoft já vale US$ 2,6 trilhões graças à inteligência artificial


Gigante da tecnologia viu suas ações crescerem, atingindo novo recorde de US$ 348,10 no pregão de quinta-feira. O mercado tem visto com bons olhos os investimentos da empresa com IA. Fachada do prédio da Microsoft.
AP Photo/Michel Euler
As ações da Microsoft atingiram um novo recorde nesta quinta-feira (15), impulsionadas pelo otimismo do mercado com a inteligência artificial (IA), o que levou a gigante de tecnologia a alcançar um valor de mercado de US$ 2,6 trilhões (ou cerca de R$ 12 trilhões).
As ações da “big tech” fecharam em alta de 3,2%, sendo vendidas a US$ 348,10. O papel, que avançou mais de 45% no ano até o momento, atingiu seu fechamento recorde anterior de US$ 343,11 em 19 de novembro de 2021.
A Microsoft é vista como líder na adoção de tecnologia de IA na indústria de software devido ao seu grande investimento na OpenAI, dona do popular ChatGPT, segundo a agência Reuters.
No mês passado, a Microsoft começou a lançar uma série de melhorias em IA, incluindo o ChatGPT, para seu serviço em nuvem Azure, bem como para seu mecanismo de busca Bing, em uma tentativa de desafiar o Google.
Mais cedo, analistas do JPMorgan elevaram o preço-alvo para as ações da Microsoft, citando a demanda pelos produtos da empresa impulsionada pela IA. Dos 53 analistas que acompanham a Microsoft, 44 recomendaram a compra das ações.
Na última segunda-feira, a Apple, outra “big tech”, viu suas ações atingirem o maior preço de sua história. Elas fecharam o dia de negociações com alta de 1,6% e vendidas a US$ 183,79.
LEIA TAMBÉM:
Como ‘reeducar’ o algoritmo das redes sociais para ver menos dancinha
Figurinhas do WhatsApp: como criar sticker com fotos da galeria do iPhone sem instalar apps
Os planos da Meta para criar um ‘rival’ do Twitter

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »