Turismo

4 dados que mostram como é a gigantesca esfera inaugurada em Las Vegas com show do U2


Com um show do U2, as luzes se acenderam na tela de maior resolução do mundo. Esfera inaugurada em Las Vegas tem o maior painel de LED do mundo; veja curiosidades
A Sphere, uma esfera gigante que promete mudar o mundo do entretenimento, foi inaugurada no fim de semana em Las Vegas, nos Estados Unidos.
Localizada junto à famosa Strip da cidade de Nevada, é a maior estrutura esférica do mundo. Tem 112 metros de altura — mais do que a Estátua da Liberdade ou o Big Ben— e 157 metros de largura.
Depois de uma paralisação de dois anos na construção devido à pandemia de covid-19, a esfera abriu suas portas em 26 de setembro com um show do U2.
A banda irlandesa de rock apresenta o show U2: UV Achtung Baby Live at Sphere — uma homenagem ao seu álbum de 1991— durante 25 dias até meados de dezembro.
Esfera inaugurada em Las Vegas tem o maior painel de LED do mundo
U2, banda que inaugurou a esfera, tem quase meio século de história
Getty Images via BBC
A Sphere também vai receber a estreia, em 6 de outubro, de um filme do aclamado diretor novaiorquino Darren Aronofsky (conhecido pelos filmes O Cisne Negro e A Baleia, entre outros) feito especificamente para esse auditório, integrando tecnologias para criar uma experiência imersiva.
“É uma viagem de ficção científica às profundezas de nosso futuro”, disse o diretor sobre Postcard From Earth (Cartão postal da Terra, em tradução livre), filme que será apresentado no interior da esfera durante pelo menos um ano e meio.
A BBC Mundo, serviço da BBC em espanhol, reuniu 4 dados sobre a magnitude deste novo espaço de entretenimento.
Os restaurantes brasileiros no ranking dos melhores do mundo, segundo turistas
1. Uma tela led de 54 mil m², a maior do mundo
A superfície externa da esfera é totalmente coberta por uma tela led de 54 mil m², superfície que equivale a cerca de 8 campos de futebol.
A imensa tela conta com 50 milhões de luzes led, que ficarão acesas dia e noite. Foi iluminada pela primeira vez para comemorar o 4 de julho deste ano, Dia da Independência dos Estados Unidos.
A tela interna, a que assistem os espectadores dos espetáculos dentro da esfera, tem 15 mil m².
Com 173 milhões de pixels, é a tela de maior resolução em todo o mundo. E vai do chão a 76 metros de altura.
Um escritório de Saragoça, na Espanha, liderado pelo arquiteto Miguel Montgivel, está por trás do design e engenharia das duas telas.
Segundo um relatório de 2019 da agência de avaliação de risco S&P, o empreendimento deve consumir anualmente 96 GWh (Gigawatts-hora) de energia – o que seria suficiente para abastecer 49,3 mil domicílios brasileiros por um ano, considerando a média de consumo residencial de 162 kWh por mês em 2019, conforme dados da EPE (Empresa de Pesquisa Energética).
Os 10 melhores hotéis do mundo, segundo The World’s 50 Best Hotels
Imagem do interior da esfera durante show do U2
Getty Images via BBC
2. Capacidade para 17,5 mil espectadores
Essa é a capacidade sentada do auditório, embora ele possa receber até 20 mil pessoas, se incluir o público em pé.
Um total de 10 mil assentos estão equipados com tecnologia háptica, o que significa que podem vibrar para fazer o espectador sentir de forma tátil o que está acontecendo na tela. Elas também podem criar efeitos de vento, temperatura e odor.
Obra foi totalmente paralisada durante a pandemia de covid-19
Getty Images via BBC
3. Cerca de 167 mil alto-falantes
O som da Sphere é projetado usando uma tecnologia conhecida como Wave Field Synthesis, que utiliza um grande número de alto-falantes controlados eletronicamente para que a interferência de suas ondas produza uma experiência acústica muito semelhante em qualquer lugar da sala.
Alguns participantes da inauguração também relataram que o isolamento acústico surpreende. Ou seja, fora da sala pouco ou nada se ouve do que está acontecendo lá dentro.
Quem assistiu ao show do U2 pôde viver uma experiência imersiva
Getty Images via BBC
4. Um custo de US$ 2,3 bilhões
Em 2019, o custo total do projeto foi estimado em US$ 1,2 bilhões (R$ 6 bilhões).
Porém, algumas mudanças de projeto, a crise na cadeia de abastecimento ocorrida em decorrência da pandemia e o aumento da inflação na reta final da construção acabaram quase dobrando o investimento na Sphere, para US$ 2,3 bilhões (R$ 11,6 bilhões).
É o auditório mais caro de Las Vegas, ficando acima até do Allegiant Stadium, que tem quatro vezes a capacidade da Sphere.
* Com a colaboração da BBC News Brasil para dados de consumo de energia.
Las Vegas recebe cerca de 40 milhões de visitantes por ano
Getty Images via BBC
A tela interna da Sphere tem resolução 16K
Getty Images via BBC
A esfera acendeu suas luzes exteriores pela primeira vez no dia 4 de julho e abriu as portas oficialmente na sexta-feira, 29 de setembro
Getty Images via BBC

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »