Guarujá

Idoso reclama de bombinhas jogadas na rua, é ameaçado de morte e baleado no litoral de SP


Caso aconteceu em Mongaguá (SP). Um dos ocupantes do carro, que atirou as bombinhas, voltou ao local e atirou no grupo de homens que havia reclamado. Idoso foi atingido por disparo de arma de fogo em Mongaguá
Arquivo Pessoal
Um idoso, de 66 anos, foi baleado após reclamar de ‘bombinhas’ atiradas em uma rua de Mongaguá, no litoral de São Paulo. Um dos ocupantes do carro, que jogou as bombinhas, voltou ao local e atirou na direção do grupo. A Polícia Civil investiga o caso.
✅ Clique aqui para seguir o novo canal do g1 Santos no WhatsApp.
O g1 teve acesso, neste sábado (30), ao boletim de ocorrência do crime. De acordo com o documento, a vítima estava sentada na calçada da Avenida Doutor Antonio Bonilha, no bairro Plataforma I, na madrugada de sexta-feira (29), quando um carro preto passou jogando as bombinhas.
O homem e os amigos reclamaram da situação e tiveram, conforme consta no boletim, uma breve discussão com os ocupantes do veículo, que deixaram o local. Passado um tempo, o grupo voltou com uma ameaça de “matar todo mundo”. Um dos homens começou a atirar na direção do grupo.
Embora o idoso tenha corrido com os amigos, ele acabou sendo baleado na região cervical. A Polícia Militar (PM) e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionados e a vítima foi encaminhada para o Hospital Irmã Dulce, em Praia Grande.
Os policiais militares que atenderam ao caso, de acordo com a corporação, informaram que o idoso não tinha condições de prestar depoimento sobre o ocorrido. A Polícia Civil investiga o caso.
Em nota, o hospital Irmão Dulce informou que o paciente deu entrada na unidade devido a um tiro na região cervical. Ele recebeu atendimento médico e foi avaliado por equipes clínicas, cirúrgicas e neurocirúrgica. Após ficar em observação, ele recebeu alta hospitalar na manhã de sexta-feira (29).
VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »