Guarujá

Irmã fala em pesadelo após escritor cair de navio e sumir: ‘alma gêmea’


Família disse estar perdida sem informações sobre as buscas por Carlos Alberto Mota Candreva. Carlos Alberto viajava de cruzeiro pela primeira vez quando caiu do navio
Reprodução e Sílvio Luiz/A Tribuna Jornal
Carlos Alberto Mota Candreva, o passageiro que caiu do navio MSC Preziosa e desapareceu no mar, nunca tinha viajado de cruzeiro. A informação é da irmã dele, Christiane Mota da Silva, de 44 anos, que mora com o programador em São Paulo. Ao g1, ela contou nesta segunda-feira (1) que vive “um pesadelo” desde a queda do irmão.
✅ Clique aqui para seguir o novo canal do g1 Santos no WhatsApp.
“Eu perdi meu melhor amigo, meu confidente, parceiro. Estou com a sensação de vazio. Meus olhos não fecham, só saem lágrimas. A sensação é que tiraram a minha melhor parte”, lamentou.
O cruzeiro ‘Réveillon em Alto Mar’ tinha partido do Porto de Santos, no litoral de São Paulo, com destino ao Rio de Janeiro (RJ). Durante a navegação na madrugada de sábado (30), Carlos caiu no mar. O show de Alexandre Pires foi cancelado e a MSC informou que, após uma busca minuciosa, foi confirmado que o hóspede saltou intencionalmente ao mar. A Marinha do Brasil segue com as buscas.
A irmã contou ao g1 que foi informada sobre o caso por um tripulante do MSC, mas a família não foi procurada pela Marinha ou qualquer autoridade policial. “O que eu estou sabendo é muito superficial […]. A gente está perdido”, desabafou Christiane.
A mulher viajou da capital para o interior paulista para encontrar os pais enquanto aguarda notícias das buscas por Carlos, pois só teve contato com a tripulação do cruzeiro. “Eu só queria agora dar um abraço nele bem apertado e dizer o quanto ele é a minha vida. Que amo para todas as vidas que vamos viver juntos. Minha alma gêmea nessa vida”, relatou Christiane.
Antes de cruzeiro
Segundo a irmã, Carlos nunca tinha andado de cruzeiro e estava ansioso para a viagem de Réveillon. “Até falamos dos riscos de viajar em alto mar. Medo não tinha, mas estava ansioso sim”, afirmou Christiane.
Um dia antes de embarcar, o programador enviou para a irmã uma foto com a fantasia que alugou para usar em uma das festas do cruzeiro. “Foi o último dia que a gente se falou […]. Ele foi provar a fantasia que ia usar”, relembrou.
Carlos enviou foto para a irmã com fantasia que usaria em cruzeiro
Arquivo Pessoal e Reprodução
Conexão
Para Christiane, o irmão pode ser definido como um “gênio”. “Assuntos de nenhuma espécie faltavam pra ele”, afirmou, dizendo que Carlos trabalha como programador de um banco, mas também atua como escritor de poemas, DJ e youtuber.
De acordo com ela, o amor entre os dois sempre foi muito grande e os irmão podem ser descritos como “unha e carne”. “Eu quero acreditar que é só um pesadelo”, finalizou Christiane.
Christiane e Carlos moram juntos em São Paulo
Arquivo Pessoal e Reprodução
Procuradas pelo g1, a Marinha do Brasil, MSC Cruzeiros e Polícia Federal não se manifestaram sobre as alegações da família até a publicação desta matéria.
Vítima
Identificado como Carlos Alberto Mota Candreva, o passageiro que está desaparecido tem 32 anos e mora em São Paulo.
Carlos trabalha como programador de um banco, mas também escreveu dois livros de poemas e atuou como DJ em algumas oportunidades.
Carlos Alberto saltou do navio MSC Preziosa durante a madrugada deste sábado (30)
Reprodução e Sílvio Luiz/A Tribuna Jornal
Ele se autointitula youtuber, pois possui um canal onde comenta sobre notícias do mundo e publica reflexões. No Instagram, Carlos acumula mais de 10 mil seguidores.
Desaparecido
A MSC Cruzeiros informou que um passageiro foi dado como desaparecido enquanto a embarcação navegava para Angra dos Reis na madrugada deste sábado (30).
“Uma busca minuciosa foi realizada a bordo e foi confirmado que o hóspede saltou intencionalmente ao mar”. Segundo a companhia, dois barcos de apoio procuraram a vítima por várias horas, mas o hóspede ainda não foi encontrado.
“O incidente foi relatado imediatamente às autoridades competentes e a Guarda Costeira liberou o navio para prosseguir viagem”.
O anúncio aos passageiros do caso foi compartilhado pelo influenciador Francisco Garcia no Instagram. Nas imagens divulgadas por ele, é possível ouvir a voz do tripulante, informando o que ocorreu no navio.
“Um casal teve uma discussão e o namorado se atirou”, afirmou o funcionário.
Influenciador Francisco Garcia compartilhou nas redes sociais o aviso de dentro do navio
Reprodução/Instagram @fgnico e Sílvio Luiz/A Tribuna Jornal
Marinha
Segundo a Marinha do Brasil (MB), o Salvamar Sul Sueste, estrutura orgânica de Busca e Salvamento (SAR), tomou conhecimento na manhã deste sábado (30) sobre um passageiro do Navio MSC Preziosa teria caído ao mar, na região de mar aberto, a aproximadamente 40 km da Ilha de Alcatrazes, em São Sebastião (SP).
De acordo com a corporação, foi acionado imediatamente o Navio-Patrulha (NPa) “Maracanã”, a serviço do Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Sul-Sudeste, com o objetivo de realizar as buscas.
“A Marinha do Brasil reafirma o seu compromisso com o Serviço de Busca e Salvamento Marítimo e incentiva a participação da sociedade por meio do telefone 185 para denúncias e emergências náuticas”, complementou a corporação, em nota.
MSC Preziosa
Arquivo/Luigi Bongiovanni/Jornal A Tribuna
VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »