Guarujá

Acusado de participar de emboscada para matar PM durante Operação Escudo é preso no litoral de SP


Najara Gomes foi alvo de criminosos em Santos (SP) nos primeiros dias da Operação Escudo. Troca de tiros ocorreu em frente a uma padaria no bairro Campo Grande. PM Najara foi baleada nas costas em Santos (SP)
Reprodução/g1
A Polícia Militar prendeu um homem, de 25 anos, acusado e procurado da Justiça por tentativa de homicídio contra a cabo Najara Gomes, durante a Operação Escudo, em Santos, no litoral de São Paulo. Segundo apurado pelo g1, nesta quinta-feira (11), a prisão de Rogério Fernando Almeida de Oliveira ocorreu em um galpão usado como galinheiro no bairro Vila dos Criadores.
✅Clique aqui para seguir o novo canal do g1 Santos no WhatsApp
Após denúncia anônima, uma equipe do Batalhão de Ações Especiais de Polícia (BAEP) entrou em vielas da comunidade à procura do homem. Na Rua F, os policiais encontraram um imóvel com as mesmas características repassadas.
Rogério, a princípio, se passou por um primo dele, mas depois confirmou ser o procurado. Ele confessou que vinha se escondendo no galpão. O homem contou também que escondeu o celular em um saco. Ainda no local, a polícia encontrou o aparelho, que era produto de furto.
Rogério foi preso e levado para a Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Santos. Em consulta ao sistema, foi confirmado que o documento de RG apresentado por ele era falso e que havia um mandado de prisão expedido contra ele.
Um boletim de ocorrência foi elaborado. Um PM que também havia sido vítima da tentativa de homicídio o reconheceu formalmente, e ele foi conduzido à cadeia da CPJ.
Tentativa de homicídio
A cabo Najara Gomes foi atingida com um tiro nas costas em frente a uma padaria no bairro Campo Grande, no dia 1 de agosto. A viatura dela estava estacionada na esquina do local do crime, entre as ruas Evaristo da Veiga e Visconde de Cayru.
Após troca de tiros entre o parceiro e os criminosos, ela foi socorrida e levada à Santa Casa de Santos. O crime foi flagrado por câmeras de monitoramento (veja abaixo).
PM é atingida por tiro nas costas após ser atacada por bandidos no litoral de SP
Operação Escudo
A Operação Escudo, de combate ao tráfico de drogas e ao crime organizado, começou em agosto de 2023 após o soldado da Rota Patrick Bastos Reis ser assassinado. Na ocasião, ele fazia um patrulhamento pela Vila Júlia, em Guarujá.
Na ocasião do atentado contra a soldado, o cabo que a acompanhava trocou tiros com os criminosos. Depois disso, a Polícia Militar iniciou uma operação no Morro São Bento para tentar encontrar os responsáveis por atirar na policial. Um dos suspeitos, Ronald dos Santos, de 22 anos, foi detido.
O g1 entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) para mais detalhes sobre a prisão, mas ainda não obteve retorno.
VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »