Economia

Água de coco não é tudo igual: veja quais tipos podem ser comercializados no Brasil

g1 foi até Carneirinho, em Minas Gerais, para entender como a fruta chega nas prateleiras do supermercado. Veja também qual a diferença entre o suco de caixinha e de garrafa. Água de coco não é tudo igual: veja quais tipos podem ser comercializados no Brasil
A água de coco não é fraca não, até a Madonna gosta e já investiu em fábricas brasileiras. Apesar de ser um símbolo do verão, a bebida pode ser encontrada o ano inteiro em garrafas de vidro, pet e de papel nos supermercados – e cada embalagem interfere na sua durabilidade.
Os repórteres do g1 Vivian Souza e Celso Tavares foram até Carneirinho, em Minas Gerais, para entender como a bebida é produzida. Confira no vídeo acima.
O Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) possui uma norma onde informa diferentes formas permitidas para preparar a água de coco para comercialização, que são:
padronizada: com adição de açúcares;
concentrada: maior teor de açúcar natural da fruta, a taxa brix;
desidratada: teor de umidade abaixo de 3%;
reconstituída: concentrada ou desidratada com adição de água potável ou de coco.
No episódio você vai ver também que:
????a água de coco fica rosa porque oxida, mas isso não significa que ela está estragada e pode ser consumida;
????o tipo de coqueiro que mais produz água é o anão, chamado assim por ter frutos precocemente, mas que pode atingir mais de 10 metros de altura;
????existem cocos de diversas cores, como o amarelo, mas, quando o assunto é a água do coco verde, o Brasil é o maior produtor do mundo.
DE ONDE VEM: café, leite, veja como são produzidos os alimentos
GENTE DO CAMPO: conheça quem produz os alimentos que chegam até você
De onde vem o que como: água de coco
Saiba mais:
Água de coco ajuda a combater ressaca; nutricionista dá dicas para o Carnaval
Água de coco, polpa, leite e óleo: conheça as diferenças nutricionais e os cuidados no consumo
Créditos ‘De onde vem o que eu como’:
Coordenação editorial: Luciana de Oliveira
Edição e finalização: Rafael Moura
Narração: Paula Paiva
Reportagem: Vivian Souza e Celso Tavares
Produção: Vivian Souza
Roteiro: Vivian Souza
Coordenação de vídeo: Tatiana Caldas e Mariana Mendicelli
Coordenação de arte: Guilherme Gomes
Direção de arte e ilustrações: Luisa Rivas, Vitoria Coelho, e Veronica Medeiros
Fotografia: Celso Tavares
Motion: Vitória Coelho e Veronica Medeiros
Confira a produção de outros alimentos
De onde vem a uva de mesa
Trigo espera até um ano e passa por mais de 30 processos antes de virar pão
De onde vem o espumante

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »