Guarujá

Dono e funcionário de lava-rápido são presos com carga de cervejas roubada e avaliada em R$ 42 mil


Vítima disse à polícia que cerca de 15 pessoas auxiliaram no crime. Motorista foi abordado por um trio de criminosos ao parar no semáforo. Polícia Civil recupera caixas de cervejas que foram roubadas de distribuidora em São Vicente
Divulgação/Polícia Civil
O proprietário e um funcionário de um lava-rápido, ambos de 34 anos, foram presos com uma carga roubada de cervejas, que havia sido roubada e avaliada em R$42 mil, em São Vicente, no litoral de São Paulo. O caminhão, onde as bebidas eram transportadas, foi levado momentos antes por um trio de criminosos. Segundo a Polícia Civil, eles obrigaram o motorista a descarregar a carga no lava-rápido.
✅Clique aqui para seguir o canal do g1 Santos no WhatsApp.
De acordo com o boletim de ocorrência, o motorista do caminhão transportava a carga com destino a Santos. No trajeto, três suspeitos abordaram o veículo ao parar em um semáforo da rodovia, sendo que um deles estaria com uma arma na cintura.
O criminoso anunciou o assalto e acessou a cabine do veículo, obrigando o motorista a seguir para São Vicente. Ele ainda teria dito para o motorista “ficar de boa” porque outros dois comparsas estavam seguindo o veículo.
Chegando no local indicado, em um lava rápido de uma comunidade no bairro Jóquei Clube, um dos assaltandes mandou o motorista descarregar a carga no comércio. De acordo com o condutor, nesse momento, cerca de quinze pessoas apareceram no local para auxiliar no roubo.
Polícia Civil recupera caixas de cervejas que foram roubadas de distribuidora em São Vicente
Divulgação/Polícia Civil
O grupo roubou o telefone da empresa e liberou o motorista, que acionou a polícia. Os policiais realizaram buscas pelo bairro e visualizaram várias pessoas carregando as caixas de cerveja para dentro de um comércio. Elas avistaram a equipe e fugiram.
Um funcionário e o proprietário do imóvel foram detidos pelo armazenamento dos itens roubados, que já estavam cobertos por uma lona para ludibriar os policiais. O funcionário ainda revelou à polícia que receberia R$100 para auxiliar no crime.
No total, foram recuperadas 228 das 252 caixas de cervejas que foram subtraídas, avaliadas em mais de R$ 42 mil. Os infratores foram encaminhados à delegacia e a vítima foi informada sobre a recuperação da carga.
Na delegacia, o condutor do veículo não reconheceu os suspeitos detidos como os autores do roubo. O caso foi registrado como receptação no 2° DP de São Vicente e os suspeitos foram presos preventivamente pelo crime de receptação.
VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »