Guarujá

Criança ‘voa’ após ser atropelada por charrete guiada por cavalo em praia do litoral de SP; VÍDEO


Condutor fugiu sem prestar socorro ao menino, de oito anos. Ele precisou ser levado ao hospital. Homem fugiu após atropelar criança com charrete guiada por cavalo em praia de Itanhaém, SP
Um menino, de oito anos, foi atropelado por uma charrete na faixa de areia de uma praia Itanhaém, no litoral de São Paulo. Conforme apurado pelo g1, junto às testemunhas nesta sábado (20), o condutor fugiu sem prestar socorro. A criança foi socorrida e precisou ser levada ao hospital.
✅Clique aqui para seguir o canal do g1 Santos no WhatsApp.
O caso aconteceu na quinta-feira (18), por volta das 18h, na Praia do Cibratel 1. Uma testemunha, que preferiu não ser identificada, disse que viu o homem com a charrete em alta velocidade e sentiu que algo estava prestes a acontecer. Segundos depois, a criança entrou na frente do veículo.
“O cavalo bateu com tudo nela. Vimos a criança voando e caindo no chão”, afirmou a testemunha.
De acordo com a testemunha, a criança gritava e não conseguia se mexer. O Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar) informou ao g1 que um guarda-vidas socorreu o menino e que a criança estava com dores nas costas.
Fuga
Homem fugiu após atropelar menino com charrete guiada por um cavalo em Itanhaém (SP)
Reprodução
Os banhistas se concentraram em ajudar a criança, enquanto o condutor da charrete aproveitou para fugir. As imagens obtidas pela equipe de reportagem mostram ele saindo da praia, aos poucos, sem nenhum impedimento (veja acima).
A testemunha, que conversou com o g1, disse que seguiu o homem. Segundo ela, o condutor entrou na Avenida São Paulo e juntou-se com mais sete pessoas, onde desmontaram a charrete. Ele fugiu em uma bicicleta em direção à estrada. Como estava apenas com um amigo, ela preferiu ir embora e acionar a Polícia Militar (PM) e a Guarda Civil Municipal (GCM).
Em nota, a Secretaria de Saúde de Itanhaém (SP) informou que o menino foi levado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Infantil. Ele passou por exames e, em seguida, foi liberado.
Uso de charretes
Questionada pela reportagem, a Prefeitura de Itanhaém afirmou que o tráfego de charretes e animais na faixa de areia é proibido. Caso um morador ou turista presencie tais atitudes, a pasta orientou denunciar à GCM pelo telefone 153.
A testemunha garantiu que o uso de charretes nas praias aumentou na cidade. “Não é a primeira vez, é quase todo dia. Um dia sim e um não eles estão correndo na praia. Mas, muito rápido mesmo. Vai acontecer de novo. Se continuar, eles vão acertar mais alguém”, finalizou.
O g1 entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) e Polícia Militar (PM), mas não teve retorno até a última atualização desta reportagem. A equipe não localizou os envolvidos na ação.
VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »