Brasil

Guarda Civil Municipal atira em dois colegas e se mata na Grande São Paulo

Uma discussão na base da Guarda Civil Municipal (GCM) em Cotia, na Grande São Paulo, terminou em tragédia nesta quarta-feira, 7. Após um desentendimento, um guarda civil atirou contra dois colegas – um morreu e outro está internado – e depois atentou contra à própria vida. Em comunicado divulgado pela Prefeitura de Cotia, é relatado que o guarda discutia com seu superior (subcomandante da corporação) quando outro colega tentou apaziguar a situação. A discussão teria sido motivada pela não apresentação de um certificado para a manutenção do porte de arma, já que é uma exigência da Polícia Federal. Os disparos foram feitos com uma arma pessoal do guarda, que estava em seu carro.

cta_logo_jp
Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

“A Prefeitura de Cotia reitera que lamenta esta tragédia e se coloca à disposição das autoridades para esclarecer o fato. Aproveita para manifestar toda solidariedade e apoio aos familiares dos envolvidos. Deseja força e serenidade aos colegas de trabalho que estão sofrendo neste momento”, finaliza. Em nota ao site da Jovem Pan, a Polícia Civil afirmou que “investiga a morte de um guarda municipal após o mesmo atirar contra dois colegas e atentar contra a própria vida, durante uma discussão na manhã desta quarta-feira 7, em Cotia. Os outros dois guardas baleados, um deles não resistiu aos ferimentos, já o segundo permaneceu internado. O local está sendo preservado para a perícia e a ocorrência sendo apresentada na Delegacia de Cotia. Mais detalhes serão passados ao término do registro”.

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »