Geral

Técnico do Atlético Nacional se demite por ‘motivos de segurança’

O Atlético Nacional anunciou que Jhon Jairo Bodmer renunciou de forma irrevogável ao cargo de técnico do time principal por “razões de segurança”. A renúncia acontece após a derrota do time colombiano na estreia da Copa Libertadores da América, na última quarta-feira, 21. “O Atlético Nacional informa os seus torcedores, a opinião pública e a imprensa que, por razões de segurança, nosso técnico decidiu renunciar irrevogavelmente ao cargo”, disse o clube colombiano. No comunicado, a instituição especificou que seus diretores “gostariam que ele (Bodmer) continuasse à frente do projeto esportivo do Atlético Nacional, mas entendem que a segurança dele e de sua família é uma prioridade”.

cta_logo_jp
Siga o canal da Jovem Pan Esportes e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Sem dar detalhes sobre as ameaças recebidas pelo técnico, que assumiu o cargo em 9 de outubro de 2023 no lugar do brasileiro William Amaral, o Nacional acrescentou que, como instituição, “rejeita categoricamente qualquer tipo de violência e pede que as pessoas vivam e desfrutem do futebol em paz”. O time de Medellín perdeu por 1 a 0 para o Nacional, do Paraguai, em Assunção, no jogo de ida da segunda fase da Libertadores, resultado que agravou a crise ao se somar à derrota de 1 a 0 para o Millonarios e à de 3 a 2 para o Deportivo Cali no Campeonato Colombiano, no qual ocupa o 14º lugar, com oito pontos.

*Com informações de EFE

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »