Guarujá

Acusado de matar a namorada e esfaquear colega é preso após fingir ser o irmão no litoral de SP; VÍDEO


Homem foi preso em Praia Grande (SP). Durante a abordagem, o homem apresentou o documento do irmão e negou ter cometido os crimes. Ele também é envolvido em crimes de tráfico de drogas, venda de armas, roubos e crime organizado. Vídeo mostra momento em que procurado pela Justiça é preso em Praia Grande (SP)
Um homem, de 39 anos, foi preso após fingir ser o irmão dele ao ser abordado por policiais em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Segundo apurado pelo g1, a falsa identidade não deu certo. A Polícia Civil descobriu que ele era procurado pela Justiça por matar a namorada e esfaquear um homem.
✅Clique aqui para seguir o canal do g1 Santos no WhatsApp.
Segundo o boletim de ocorrência, os policiais da 2ª Delegacia de Polícia de Investigações Sobre Entorpecentes receberam informações de que o integrante de uma organização criminosa estava guardando armas de fogos em uma casa, no bairro Mirim.
Durante as investigações, os agentes conseguiram identificá-lo como o autor de dois crimes (veja mais detalhes abaixo). A equipe monitorou as atividades do procurado para abordá-lo com segurança, já que ele morava com duas crianças, que não foram identificadas.
As imagens obtidas pelo g1 mostram o momento em que o homem foi abordado pelos policiais ao entrar em casa na segunda-feira (4). Com as mãos para cima, o acusado foi colocado no chão e algemado por um dos agentes. Em seguida, a equipe entrou no imóvel (assista acima).
Durante a abordagem, o homem apresentou o documento do irmão e negou ter cometido os crimes. De acordo com o registro policial, ele tinha o costume de apresentar identidades falsas para não descobrirem os dois mandados de prisão contra ele.
Homem procurado pela Justiça foi preso em Praia Grande (SP)
g1 Santos
Ao realizarem buscas no imóvel, os policiais encontraram a certidão de nascimento do acusado, que admitiu a verdadeira identidade. No local, uma arma de fogo e um celular também foram apreendidos.
Crimes
Em 27 de julho de 2019, em Nova Venécia (ES), a Polícia Militar (PM) foi informada por testemunhas de que uma mulher havia sido violentada e agredida com golpes de faca pelo namorado. A vítima foi levada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. Na ocasião, o homem não foi encontrado.
O outro crime aconteceu em 11 de dezembro de 2021, em Franca (SP). O acusado discutiu com um outro homem na casa de um vizinho. Ele pegou uma faca e deu diversos golpes no rapaz. Não há informações sobre o motivo do desentendimento.
Aos policiais, o homem agredido disse que só não foi morto porque conseguiu pedir ajudar de um outro vizinho, que acionou a PM e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). No mesmo dia, o acusado fugiu e mudou de cidade com a família. Não há informações de quanto tempo ele estava em Praia Grande.
Durante as investigações, a Polícia Civil de Franca constatou que o homem também é envolvido em crimes de tráfico de drogas, venda de armas, roubos, homicídios e crime organizado.
VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »