Guarujá

Carro de mulher que desapareceu após deixar filhos com amiga em SP é encontrado carbonizado


Amanda de Castro Lancha Lara, de 31 anos, é de Santos e enviou uma mensagem à amiga antes de sumir. Policiais militares encontraram carro usado por mulher que desapareceu há 8 dias carbonizado na zona leste de SP
Reprodução/Redes Sociais e Polícia Civil/Divulgação
O veículo modelo Gol usado pela santista Amanda de Castro Lancha Lara, de 31 anos, desaparecida há 8 dias, foi encontrado carbonizado na rodovia Via Parque, no bairro Vila Santo Henrique, na zona leste da capital paulista. A mulher não é vista desde que deixou os dois filhos, de 10 e 5 anos, com uma amiga em Itaquera (SP), no último dia 5. Ela não avisou para onde iria.
✅ Clique aqui para seguir o novo canal do g1 Santos no WhatsApp.
Ao g1, a Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP) informou que policiais militares realizavam patrulhamento, na noite de terça-feira (12), quando encontraram o veículo queimado no acostamento da via.
Leia também:
FACADA: Homem é preso por cravar faca na cabeça de inquilina após discussão por aluguel; VÍDEO
EXECUÇÃO: ‘Meia Folha’, chefe de facção criminosa, é executado por atirador de moto no litoral de SP
PORTO: Túnel Santos-Guarujá: Governo Federal abre consulta pública para obra avaliada em R$ 6 bilhões
Apesar do carro ter sido achado, não há informações sobre a mulher. Ela, portanto, segue desaparecida e o caso permanece sob investigação da 5ª Delegacia de Pessoas Desaparecidas da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
Ainda de acordo com a pasta, foram solicitados exames junto ao Instituto de Criminalística (IC) e o caso foi registrado como incêndio no 24° Distrito Policial (DP) da Ponte Rasa.
Veículo Gol branco usado por santista, que desapareceu há 8 dias, é encontrado carbonizado em SP
Polícia Civil/Divulgação
Entenda o caso
Segundo apurado pela equipe de reportagem, a última mensagem enviada por Amanda à amiga pedia para que as crianças a aguardassem, pois ela os levaria para comer lanche assim que chegasse.
A mensagem, segundo a mãe dela, Mércia Lara, foi enviada por volta das 20h do dia 5 de março, mas a filha já havia saído de casa desde às 15h. “Saiu dizendo que só precisava sair, deixou as crianças com uma amiga, que mora com ela, e não retornou. Estava de carro”.
Mércia contou que a filha nunca havia desaparecido e sempre atendia as ligações rapidamente, principalmente quando feitas pela amiga que ficava com as crianças.
Segundo ela, Amanda mora na capital paulista há dois anos e não trabalhava, pois o ex-marido dava suporte financeiro a ela. “Sempre extrovertida, ótima mãe, sempre ajudava todo mundo. Sinceramente não sei [o que aconteceu]”.
A mãe contou, ainda, que tem recebido muitos trotes com falsas informações sobre a localização da filha, e pede para que entrem em contato com as polícias militar e civil pelos números 190 e 197, respectivamente.
Amanda de Castro Lancha Lara, de 31 anos, desapareceu em 5 de março em Itaquera, na zona leste de SP
Arquivo Pessoal
VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »