Guarujá

O que se sabe sobre a mulher que desapareceu após deixar os filhos com a amiga em SP


Amanda de Castro Lancha Lara, de 31 anos, é de Santos (SP) e enviou uma mensagem à amiga antes de sumir. Amanda Lancha, de Santos (SP), desapareceu após deixar os dois filhos com uma amiga em Itaquera (SP)
Arquivo pessoal
O desaparecimento da santista Amanda de Castro Lancha Lara, de 31 anos, após deixar os filhos, de 10 e 5 anos, com a amiga em Itaquera, na zona leste de São Paulo, completa nove dias nesta quinta-feira (14). Desde o sumiço, apenas o carro da mulher foi encontrado queimado. O g1 reuniu tudo o que se sabe sobre o caso que ganhou repercussão nacional (confira abaixo).
A investigação do caso está sob responsabilidade dos policiais da 5ª Delegacia de Pessoas Desaparecidas da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que fica na capital.
✅ Clique aqui para seguir o novo canal do g1 Santos no WhatsApp.
Entenda o que se sabe sobre o caso:
1. Onde ela desapareceu?
2. Quem é a Amanda?
3. A última mensagem?
4. Como era o comportamento dela?
5. Onde o carro foi achado?
6. O que a Polícia diz sobre o caso?
1. Onde ela desapareceu?
Amanda desapareceu no último dia 5 após sair de casa sem dizer para onde iria e deixar os dois filhos com uma amiga em Itaquera, na zona leste de São Paulo.
“Saiu dizendo que só precisava sair, deixou as crianças com uma amiga, que mora com ela, e não retornou. Estava de carro”, disse a mãe dela, Mércia Lara.
Voltar às perguntas.
2. Quem é a Amanda?
Amanda desapareceu após sair de casa sem dizer onde ia e deixar filhos com amiga, em Itaquera, em São Paulo
Reprodução/Redes Sociais
Nascida em Santos, no litoral de São Paulo, Amanda tem 31 anos e mudou-se para a capital paulista há dois anos. Atualmente, ela mora em Itaquera com os dois filhos, de 10 e 5 anos.
Ao g1, Mércia contou que a filha não trabalhava, pois o ex-marido dava suporte financeiro para ela.
Voltar às perguntas.
3. A última mensagem?
A última mensagem enviada por Amanda foi à amiga pedindo para que as crianças a aguardassem, pois ela os levaria para comer um lanche assim que chegasse.
Essa mensagem, segundo a mãe da mulher, foi enviada por volta das 20h de 5 de março. A filha havia saído de casa às 15h.
Voltar às perguntas.
4. Como era o comportamento dela?
Mércia contou que a filha nunca havia desaparecido e sempre atendia as ligações rapidamente, principalmente os chamados da amiga que ficava com as crianças.
“Sempre extrovertida, ótima mãe, sempre ajudava todo mundo. Sinceramente, não sei [o que aconteceu]”, disse a mãe.
Ela contou, ainda, que tem recebido muitos trotes com falsas informações sobre a localização da filha, e pede para que entrem em contato com as polícias militar e civil pelos números 190 e 197, respectivamente.
Voltar às perguntas.
Amanda Lancha desapareceu há 9 dias após deixar os filhos com a amiga em Itaquera, zona leste de São Paulo
Reprodução/Redes Sociais
5. Onde o carro foi achado?
Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), o carro modelo Gol usado por Amanda foi encontrado carbonizado na rodovia Via Parque, no bairro Vila Santo Henrique, na zona leste da capital paulista.
Policiais militares realizavam patrulhamento, na noite de terça-feira (12), quando acharam o veículo queimado no acostamento da via.
A SSP-SP informou, ainda, que foram solicitados exames junto ao Instituto de Criminalística (IC), e que o caso foi registrado como incêndio no 24° Distrito Policial (DP) da Ponte Rasa.
Voltar às perguntas.
Veículo Gol branco usado por santista, que desapareceu há 8 dias, é encontrado carbonizado em SP
Polícia Civil/Divulgação
6. O que a Polícia diz sobre o caso?
O caso foi registrado como desaparecimento de pessoa na Delegacia Eletrônica foi encaminhado ao 103° Distrito Policial (DP) de São Paulo. No entanto, é investigado pela 5ª Delegacia de Pessoas Desaparecidas da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
Em nota, a SSP-SP disse que todas as diligências cabíveis para localizar a vítima estão em andamento pela unidade policial, mas que detalhes serão preservados para garantir a autonomia do trabalho policial.
Voltar às perguntas.
Amanda de Castro Lancha Lara, de 31 anos, desapareceu em 5 de março em Itaquera, na zona leste de SP
Arquivo Pessoal
VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »