Guarujá

Veja o que se sabe sobre o jovem de SP que sumiu e foi achado morto em praia após dois dias de buscas


Michel Florêncio da Silva, morador de Cotia (SP), de 25 anos, estava desaparecido e foi encontrado morto na faixa de areia da Praia do José Menino, em Santos (SP). Michel Florêncio da Silva, de 25 anos, foi encontrado morto na praia do José Menino, em Santos
Reprodução/Redes Sociais
Michel Florêncio da Silva, de 25 anos, foi encontrado morto na praia do José Menino, em Santos, no litoral de São Paulo, após o carro alugado por ele ter sido rastreado e encontrado vazio. A família dele cobra mais empenho da polícia na investigação para descobrir como o jovem morreu. O g1 reuniu tudo o que se sabe sobre o caso (confira abaixo).
✅Clique aqui para seguir o canal do g1 Santos no WhatsApp.
Entenda o que se sabe sobre o caso:
1. Onde ele desapareceu?
2. Quem é o Michel?
3. Onde o carro foi achado?
4. Onde ele foi encontrado?
5. O que diz a família?
6. O que a Polícia diz sobre o caso?

1. Onde ele desapareceu?
Michel era morador de Cotia (SP) e saiu de casa sozinho, por volta das 4h da última quinta-feira (14), sem dizer o que faria. Após ele não responder mais as mensagens, a família verificou que às 6h05 ele havia chegado em Santos, e que o GPS do carro indicava que ele estava estacionado na Avenida Presidente Wilson, no bairro José Menino.
Voltar às perguntas.
2. Quem é o Michel?
Michel tinha 25 anos e trabalhava em uma loja de conveniência de uma familiar. Ele pretendia, de segundo o irmão Guilherme Florêncio da Silva, de 21 anos, voltar a atuar como motorista de aplicativo.
Há aproximadamente um mês ele não exercia a profissão devido a um problema com a placa do veículo que alugava — o mesmo automóvel que usou pela última vez antes de desaparecer.
Voltar às perguntas.
Corpo de Michel Florêncio da Silva, morador de Cotia (SP), foi encontrado na faixa de areia da praia do José Menino, em Santos (SP).
Arquivo Pessoal
3. Onde o carro foi achado?
Antes da notícia da morte de Michel, os parentes conseguiram localizar o carro usado por com o auxílio do rastreador GPS do veículo, que era alugado e estava estacionado na Avenida Presidente Wilson, na orla do bairro do José Menino.
Os familiares tentaram registrar o desaparecimento em Cotia (SP), mas foram orientados a realizar o boletim de ocorrência na cidade do litoral, onde estava o automóvel usado pelo jovem.
“Nós fomos até o carro primeiro, e estava fechado. Viemos com o dono [locador] que conseguiu abrir [a porta]. Dentro do carro estava a carteira e a chave de casa. Só não estava o celular e meu irmão”, disse Guilherme Florêncio da Silva, de 21 anos.
Voltar às perguntas.
4. Onde ele foi encontrado?
A família registrou o caso na delegacia de Santos e, durante as buscas, foi chamada para reconhecer um corpo encontrado na manhã do último sábado (16), que batia com as descrições de Michel.
De acordo com o Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar), ele estava em avançado estado de decomposição, na faixa de areia próximo ao canal 1.
O GBMar informou que não foi possível identificar se a causa foi afogamento ou trauma, e que a polícia aguardou a chegada do carro do Instituto Médico Legal (IML) para onde foi levado e reconhecido pela família.
Voltar às perguntas.
Corpo de Michel Florêncio da Silva, morador de Cotia (SP), foi encontrado na faixa de areia da praia do José Menino, em Santos (SP).
Arquivo Pessoal
5. O que diz a família?
O irmão Guilherme Florêncio da Silva, de 21 anos, contou que o corpo encontrado na Praia do José Menino, na manhã de sábado (16), foi reconhecido pela família, que estranha o fato da vítima estar no litoral paulista, uma vez que não gostava de frequentar a praia.
“Aparentemente [estava] sozinho, mas ele não costuma vir [para o litoral]. Ele nem gosta de praia. Não sabemos [o que aconteceu]. Tem uma câmera em frente [o local] onde o carro estava, mas só o delegado consegue liberar”, disse o rapaz.
O irmão da vítima contou que, após o carro ter sido encontrado, a polícia não realizou uma perícia no automóvel para verificar eventuais marcas de sangue ou algum sinal que pudesse indicar algum crime, e liberou que o proprietário retirasse o veículo do local.
“Nós tivemos que fazer a perícia e olhar o carro. Se tivesse um sangue, alguma coisa dentro do carro, as provas ficaram por lá”. Guilherme ressaltou que a família busca respostas, e que a polícia investigue o que aconteceu a partir das câmeras de monitoramento. Segundo ele, havia uma bem em frente ao carro.
Voltar às perguntas.
6. O que a Polícia diz sobre o caso?
Questionada pelo g1, a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) informou apenas que o caso é investigado pelo 7° Distrito Policial (DP) do município. O caso foi registrado morte suspeita na Central de Polícia Judiciária (CPJ).
Voltar às perguntas.
Corpo de Michel Florêncio da Silva, morador de Cotia (SP), foi encontrado na faixa de areia da Praia do José Menino, em Santos (SP).
Reprodução/Redes Sociais
VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »