Guarujá

PM Ambiental encontra maconha enterrada em ‘esconderijo’ dentro de parque estadual no litoral de SP


Ação do Grupo Especial de Policiamento Ambiental em Áreas de Risco (Gepaar) localizou 118 porções de maconha e dois tijolos da droga. Drogas apreendidas durante ação da PM Ambiental em São Vicente (SP)
PM Ambiental
A Polícia Ambiental apreendeu 118 porções de maconha e dois tijolos da droga que estavam enterrados em uma área de mata no Parque Estadual Marinho Laje, em São Vicente, no litoral de São Paulo. Segundo o g1 apurou, neste domingo (31), a ação ocorreu durante a terceira fase da Operação Verão, que resultou até o momento na morte de 56 pessoas na Baixada Santista. Ninguém foi preso.
✅Clique aqui para seguir o canal do g1 Santos no WhatsApp.
De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), o Grupo Especial de Policiamento Ambiental em Áreas de Risco (Gepaar) recebeu uma denúncia de que havia drogas enterradas no local, na última sexta-feira (29).
Durante um patrulhamento na mata, por meio de uma trilha, as equipes viram pontos em que a terra estava remexida. A busca resultou na localização das porções de maconha, já prontas para a venda, além dos tijolos, 10 mil pinos de cocaína vazios, uma balança e itens para dividir e embalar entorpecentes.
O caso foi registrado como tráfico de drogas na Delegacia de São Vicente. Agora, a Polícia Civil seguirá com as investigações para identificar os envolvidos.
Leia também:
MORTA EM PRAÇA: Mulher morta por bala perdida em ação da PM voltava para casa com chocolates de Páscoa para filhos;
SANTOS: Enfermeiro atingido por homem que caiu do 2º andar de shopping só descobriu a situação ao recobrar a consciência;
GUARUJÁ: Corpo carbonizado é encontrado em trilha onde turista carioca sumiu
Operação Verão
Vídeo mostra o PM da Rota sendo baleado no rosto em viela no litoral de SP
A Operação Verão foi estabelecida na Baixada Santista em dezembro de 2023. No entanto, com a morte do PM Samuel Wesley Cosmo, em 2 de fevereiro, o estado deflagrou a 2ª fase da ação com o reforço policial na região.
Em 7 de fevereiro, mais um PM foi morto, o cabo José Silveira dos Santos. Na ocasião, começou a 3ª fase da operação, que foi marcada pela instalação do gabinete de Segurança Pública em Santos e mais policiais nas cidades do litoral paulista. A equipe da SSP-SP manteve a sede na Baixada Santista por 13 dias.
A última morte confirmada foi a de Cesar Augusto de Jesus Santos, de 22 anos, durante um suposto confronto com policiais militares do Batalhão de Ações Especiais de Polícia (BAEP) no local conhecido como Beco das Almas, no bairro Vila Santa Rosa, em Guarujá.
A equipe de reportagem apurou que um dos PMs fez cinco disparos de fuzil, enquanto um segundo fez mais quatro disparos com outra arma, não especificada. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado por volta de 16h15 e constatou a morte no local.
VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »