Brasil

Quase duas toneladas de cocaína são encontradas em Jundiaí em bunker escondido

Uma ação policial aprendeu pouco mais de duas toneladas de cocaína na noite desta terça-feira (2), em Jundiaí, interior de São Paulo. As drogas estavam em dois endereços distintos, sendo um em um bairro de luxo e um na zona rural. Um dos locais contava com um bunker embaixo do fogão onde parte da droga estava escondida no subsolo. Uma pessoa foi presa. Conforme a Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP), o esconderijo era para armazenar as drogas, já o segundo local da ação funcionava como uma espécie de laboratório, que continha utensílios como barris com cocaína a granel, balanças e galões com material líquido, o que gerou mais de 800 quilos de entorpecente. “É um golpe contra o crime organizado e o tráfico de drogas. Os policiais identificaram uma estrutura bem elaborada para produção e refino da droga e armazenagem também”, disse Artur Dian, delegado-geral da Polícia Civil, por meio de comunicado. O Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico (Denarc) já estava investigando a suspeita de transporte dos entorpecentes da cidade de Jundiaí para outras regiões. “Os policiais receberam a informação de que um veículo faria o ‘serviço’ e passaram a monitorar a ação”, acrescentou Dian, sem dar detalhes sobre as localidades para onde seriam distribuídas as drogas.
cta_logo_jp
Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Conforme a investigação, os policiais identificaram um furgão em uma casa de alto padrão, no Jardim Florestal. “Quando o veículo deixava a casa, foi abordado pelos investigadores. O motorista, de 56 anos, que era procurado do Justiça por tráfico de drogas, foi preso”, disse a SSP. Em um dos cômodos da casa de luxo, também havia uma espécie de estufa com luminárias, que servia para secar o material. Os policiais também encontraram 128 tijolos de cocaína. “Na casa havia ainda medicamentos usados para diluir a droga, máquinas de contar dinheiro, com maços amarrados, totalizando mais de R$ 11,7 mil”, afirmou a SSP. Os policiais receberam informações sobre outro endereço, mas que desta vez ficava localizado na zona rural da cidade e que era o depósito. No endereço havia um bunker escondido atrás do fogão, onde continha cocaína. “O bunker escondia 950 tijolos de cocaína, que totalizaram quase uma tonelada da droga. O local era muito bem estruturado, com escada para dar acesso ao depósito subterrâneo”, disse Ronaldo Sayeg, delegado do Denarc. O caso foi registrado na 3ª Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) do Denarc e a polícia ainda investiga sobre a participação de outras pessoas no caso, bem como, a procedência das drogas.
Ação policial prende quase duas toneladas de cocaína

Ação policial prende quase duas toneladas de cocaína em Jundiaí/Foto: Divulgação/SSP

 

Em um dos endereços funcionava uma espécie de estufa

Em um dos endereços funcionava uma espécie de estufa/Foto: Divulgação/SSP

*Com informações do Estadão Conteúdo
Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »