Economia

‘Vou tomar um tacacá’: caldo de Belém tem mandioca, sabia? g1 explica


Série ‘De onde vem o que eu como’ mostra o cultivo de um dos alimentos mais consumidos no Brasil desde a época pré-colonial. De onde vem o que eu como: mandioca
“Eu vou tomar um tacacá, dançar, curtir, ficar de boa.” Esse hit da música brasileira você já deve ter ouvido, mas sabia que o caldo tacacá, popular em Belém do Pará, é feito com mandioca?
Também conhecida como macaxeira, aipim ou até pão-de-pobre, dependendo da região — a mandioca está presente na culinária brasileira nos quatro cantos do país desde a época pré-colonial, quando os indígenas a tinham como um dos principais alimentos devido ao seu valor nutricional e facilidade de preparo.
Neste episódio da série De onde vem o que eu como, o g1 foi até Ubirajara, interior de São Paulo, entender como a mandioca é produzida, do campo até a sua mesa.
Nesta reportagem, você verá que…
????… a mandioca contém cianeto, uma substância tóxica que é removida do alimento durante o cozimento. Quando a quantidade do composto químico é alta, a mandioca é chamada de brava e precisa passar por um cozimento industrial antes de ir para mesa. Quando o nível de cianeto é baixo, ela é chamada de mansa e pode ser consumida após o cozimento simples.
????… e não dá para uma pessoa que não seja especialista diferenciar qual é brava e qual não é só de olhar… Mas o produtor já diferencia na hora da colheita. As folhas da planta, por exemplo, podem indicar qual o tipo. Outra alternativa é experimentar um pedaço pequeno. Se estiver amargo, é de mandioca brava. Mas não convém arriscar.
????Pará, Paraná e São Paulo são os estados que mais produzem o alimento. Em 2023, o Brasil produziu 19 milhões de toneladas de mandioca.
Produtor organizando manivas para plantar mandioca
Fábio Tito/g1
Produtores colhendo mandiocas
Fábio Tito/g1
Mulher está sentada descascando mandioca
Fábio Tito, g1
Produtor de mandioca colhendo o alimento
Fábio Tito/g1
Créditos do “De onde vem”
Coordenação editorial: Luciana de Oliveira
Reportagem: Murillo Otavio e Fábio Tito
Roteiro: Murillo Otavio e Gabi Gonçalves
Narração: Gabi Gonçalves
Edição e finalização: Rafael Leal
Produção: Murillo Otavio e Giovana Toledo
Coordenação de vídeo: Tatiana Caldas e Mariana Mendicelli
Coordenação de arte: Guilherme Luiz Pinheiro
Direção de arte e ilustrações: Luisa Rivas e Gabriel Wesley Marques
Motion Design: Veronica Medeiros
Fotografia: Fábio Tito
Motorista: Ricardo Barbosa
Veja como mais alimentos são produzidos
De onde vem o que eu como: baunilha
Lúpulo da cerveja é ‘parente’ da cannabis e depende de luz artificial ao anoitecer no Bras
De onde vem o Maracujá
De onde vem o sorvete
Água de coco não é tudo igual: veja quais tipos podem ser comercializados no Brasil

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »