Geral

Jô é solto após passar a noite na cadeia por não pagar pensão alimentícia

, atacante do Amazonas e com passagens de destaque por Corinthians e Atlético-MG, foi liberado e deixou no fim da tarde desta terça-feira (7), a cadeia anexa ao 2º Distrito Policial de Campinas, onde estava preso desde a noite de segunda-feira (6) por falta de pagamento de pensão alimentícia. A Justiça acolheu o pedido da defesa de Jô e concedeu o alvará de soltura. O atleta deixou o presídio pouco depois das 17 horas. A defesa do atacante, representado pela advogada Rafaela Mendonça de Souza, afirmou que “havia divergências” quanto ao valor da pensão, mas que o caso foi resolvido.

cta_logo_jp
Siga o canal da Jovem Pan Esportes e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Igor Oliveira, diretor de futebol do Amazonas, buscou o atacante no Distrito Policial. O dirigente vai acompanhar o atleta na viagem de volta a Manaus. O restante da delegação voltou à capital amazonense de madrugada, horas depois da derrota por 3 a 0 para a Ponte Preta, em duelo válido pela terceira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Jô passou por exame de corpo de delito cautelar e depois pela audiência virtual de custódia, pela manhã. Horas depois, a Justiça da Bahia acatou o pedido da defesa do atleta e expediu o mandado de soltura. O processo que resultou no mandado de prisão de Jô corre em segredo de Justiça por envolver uma criança menor de idade. O jogador tem oito filhos, seis deles fora do casamento com sua mulher, Cláudia.

*Com informações do Estadão Conteúdo

 

 

 

 

 

 

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »