Geral

Os 5 melhores fundos imobiliários para se investir neste momento: um deles é ‘conservador’, mas pode pagar dividendos de até 11%

Para quem esperava boas notícias vindas do mercado financeiro, abril foi pura decepção. Houve um mal-estar generalizado entre os investidores porque nem mesmo o Bitcoin, que passou por um dos eventos mais aguardados do ano (Halving), se saiu bem. A criptomoeda mais famosa do mundo fechou o mês com uma queda de 11,86%, enquanto o Ibovespa (ações) e o IFIX (fundos imobiliários) apresentaram desvalorizações de 1,70% e 0,77%, respectivamente. 

A explicação para esses números fracos vem tanto daqui do Brasil quanto do exterior. Internamente, houve uma piora na perspectiva fiscal do país. Já lá fora, o que pesou foi o possível atraso no processo de queda dos juros nos Estados Unidos.

FIIs: como devem ser os próximos meses?

Olhando apenas para os fundos imobiliários (FIIs), o panorama geral ainda é positivo — já que essa foi a primeira retração do ano e o número de cotistas só cresce. Mas, mesmo assim, é preciso estar atento.

Segundo a Empiricus Research, os próximos meses podem ser ainda mais desafiadores. Veja só o que seus profissionais disseram em um relatório publicado recentemente:

Relatório ‘Carteira de FIIs: maior de 2024’, publicado em 2 de maio de 2024

Nesse material, a casa de análise também indicou uma carteira com 5 fundos imobiliários que deve performar bem, na sua visão. Ela possui ativos de diferentes setores e pode ajudar os investidores a passarem por esse novo cenário com menos preocupações por estar mais ‘conservadora’ no momento (dos 5 papéis selecionados, 3 são de tijolos e 2 são de crédito). “Os fundos de crédito costumam apresentar uma menor volatilidade no geral e, como agora representam um percentual expressivo da carteira, o nosso portfólio tende a apresentar menores oscilações”, explica a Empiricus Research.

QUERO CONHECER OS MELHORES FUNDOS IMOBILIÁRIOS PARA INVESTIR EM MAIO

Como aproveitar os juros elevados investindo em FIIs?

Um dos papéis presentes é o CSHG Recebíveis Imobiliários (HGCR11). Ele é uma ótima pedida para quem tem um perfil mais conservador porque tem um mandato flexível. Logo, pode investir tanto em operações indexadas ao IPCA quanto ao CDIA Empiricus Research afirma que essa característica possibilita que seus investidores aproveitem os juros que estão altos e ainda se protejam, caso a inflação escale. “Apesar de ser negociado com prêmio em relação ao valor patrimonial, o HGCR11 apresenta um dos maiores yields anualizados entre os seus pares, atualmente em 11%.”

TOP PICKS: CONHEÇA OS OUTROS 4 MELHORES FUNDOS IMOBILIÁRIOS PARA SE INVESTIR EM MAIO

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »