Economia

Produção de arroz será 19% menor do que a anterior no Paraná


Em 2023, produtores paranaenses perderam boa parte da safra devido a chuva e enchentes. Com chuvas em 2023, produção de arroz será menor
A safra de arroz no Paraná está terminando e, de acordo com o Departamento de Economia Rural, a área plantada é praticamente a mesma de 2023, mas a produção deve ser ao menos 19% menor. Isso porque o campo paranaense foi afetado pelas chuvas e diversas lavouras sofreram com as enchentes.
Em 2023 foram colhidas 152,6 mil toneladas e até o momento em 2024 são 124,3 mil toneladas.
✅ Siga o canal do g1 PR no WhatsApp
✅ Siga o canal do g1 PR no Telegram
Em Santa Mônica, no noroeste, por exemplo, o Rio Ivaí transbordou e atingiu inúmeras propriedades produtoras de arroz.
Produção de arroz diminui em 2024
Reprodução
Apesar da redução e recentes impactos da chuva no maior produtor de arroz do Brasil, o Rio Grande do Sul, o engenheiro agrônomo do Deral-PR Carlos Hugo Godinho, aponta que não faltará produto. O ponto de atenção, segundo ele, está na logística.
“Tem bastante arroz disponível principalmente nesse primeiro momento. A não ser alguns problemas de logísticas mais específicos do Rio Grande do Sul, mas nada que seja capaz de criar um preço muito mais alto. Agora, para o final do ano, possivelmente, a gente tenha que importar um pouco mais de arroz. Essa já é uma prática dos períodos de entressafra. Então, caso a gente precise, a gente vai ajustar as nossas exportações (exportando um pouco menos de arroz esse ano) ou a gente vai importar um pouco mais. Mas são canais estabelecidos, mas não é como se a gente nunca tivesse tido que importar arroz e tivesse que começar do zero. Isso acontecerá naturalmente”, explica.
LEIA TAMBÉM:
Acidente: Condutor morre atropelado por caminhão logo após descer de carro na PR-151
Bruno Mars em Curitiba: cantor anuncia show no Estádio Couto Pereira; veja preços
Veja cargos e salários: Concursos públicos no Paraná ofertam mais de 400 vagas
VÍDEOS: mais assistidos do g1 Paraná
Leia mais notícias no g1 Paraná

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »