Economia

Nasdaq bate recorde com apoio de fabricantes de chips e aguardando resultados da Nvidia


Os três principais índices das bolsas americanas em níveis recorde. O S&P 500 e Nasdaq fecharam nas máximas históricas na semana passada. O Dow Jones fechou acima dos 40 mil pontos pela primeira vez na sexta-feira. Wall Street
Lucas Jackson/Reuters
O Nasdaq, índice com forte peso do setor de tecnologia, atingiu um pico recorde nesta segunda-feira, impulsionado por fabricantes de chips, antes dos aguardados resultados trimestrais da Nvidia e da ata da reunião de política monetária do Federal Reserve desta semana, que provavelmente testarão o recente rali recorde de Wall Street.
No início da tarde, o Nasdaq Composite avançava 0,69%, a 16.800,27 pontos. O Dow Jones subia 0,10%, a 40.045,43 pontos. O S&P 500 tinha alta de 0,37%, a 5.322,75 pontos.
O índice de referência S&P 500 e o índice Nasdaq atingiram máximas históricas na semana passada. O Dow Jones também fechou acima do nível de 40 mil pontos pela primeira vez na sexta-feira.
No pregão de hoje, resultados corporativos otimistas e dados de inflação mais fracos do que o esperado sustentaram as esperanças de cortes nas taxas de juros este ano, ajudando os três principais índices dos EUA a marcarem sua quarta semana consecutiva de ganhos na sexta-feira.
Os investidores estão aguardando os resultados trimestrais da Nvidia na quarta-feira (22) para obter evidências de que a líder em chips de inteligência artificial (IA) poderia manter seu crescimento explosivo e ficar à frente dos rivais.
A ata da última reunião de política monetária do Fed também está programada para o mesmo dia.
“Esta semana, a questão de saber se fomos longe demais, rápido demais com esse movimento do mercado estará na mesa”, disse Sam Stovall, estrategista-chefe de investimentos da CFRA Research.
“Se eles (os resultados da Nvidia) continuarem a superar (as expectativas do mercado), mas em menor quantidade, o avanço das ações diminuirá… mas as pessoas não estarão vendendo tão cedo. Estamos apenas no início de um boom impulsionado pela IA que elevará não apenas a Nvidia, mas muitas outras ações.”
Fed mantém juros entre 5,25% e 5,5% ao ano; Bruno Carazza comenta

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »