Turismo

Os 12 restaurantes brasileiros que entraram na lista de bons e baratos do Guia Michelin 2024


Categoria é chamada Bid Gourmand e considera ‘restaurantes de boa qualidade e bom preço’. Publicação só considera estabelecimentos de São Paulo e do Rio de Janeiro. O famoso Guia Michelin também tem uma categoria para restaurantes bons e baratos. No Brasil, 12 novos estabelecimentos entraram para essa lista, chamada Bib Gourmand, na última segunda-feira (20). A ideia é reconhecer “restaurantes de boa qualidade e bom preço”.
A premiação só considera casas no Rio de Janeiro e em São Paulo. Os 12 novos se somam a 25 restaurantes que já faziam parte da categoria desde 2020, a última edição do prêmio.
Entre os novos restaurantes premiados, dois estão localizados no Rio — Brota e Sult — enquanto todos os outros estão em São Paulo . Confira a lista:
Brota
Restaurante Brota, no Rio de Janeiro, é premiado pelo Guia Michelin
Brota/Divulgação
Sult
Restaurante Sult, do Rio de Janeiro, é premiado pelo Guia Michelin
Sult/Divulgação
A Baianeira – MASP
Restaurante A Baianeira, em São Paulo, é premiado pelo Guia Michelin
A Baianeira / Divulgação
Capim Santo
Capim Santo, em São Paulo, é premiado pelo Guia Michelin
Capim Santo/ Divulgação
Cora
Restaurante Cora, em São Paulo, é premiado pelo Guia Michelin
Cora/ Divulgação
Cuia
Restaurante Cuia, em São Paulo, é premiado pelo Guia Michelin
Cuia/ Divulgação
Feriae
Feriae, em São Paulo, é premiado pelo Guia Michelin
Carolina Lacaz/Feriae; Helena Rubano/Feriae
Kotori
Kotori, em São Paulo, é premiado pelo Guia Michelin
Rubens Kato/Kotori
Mocotó Vila Leopoldina
Mocotó Vila Leopoldina, em São Paulo, é premiado pelo Guia Michelin
Ricardo D’Angelo/Mocotó Vila Leopoldina
Nomoe
Nomoe, em São Paulo, é premiado pelo Guia Michelin
Manuel Sa/Nomo; Rafael Lucente/Nomo
Più Higienópolis
Più Higienópolis, em São Paulo, é premiado pelo Guia Michelin
Divulgação/Michelin
Shihoma Pasta Fresca
Shihoma Pasta Fresca, em São Paulo, é premiado pelo Guia Michelin
Apó Arquitetura/Shihoma Pasta Fresca; Rubens Kato/Shihoma Pasta Fresca
⭐ Além dos bons e baratos, a nova edição brasileira do guia também distribuiu as tradicionais estrelas entre restaurantes do Rio e de São Paulo. Veja aqui os contemplados.
O que é o Guia Michelin?
O guia foi criado em 1900 pela empresa francesa de pneus Michelin como uma forma de incentivar as pessoas a pegarem a estrada.
Ele também foi planejado para ajudar motoristas com informações úteis para viagens, como locais para trocar pneus, abastecer o carro, se hospedar e, claro, onde comer.
As estrelas do Guia Michelin foram adotadas em 1926, inicialmente para destacar estabelecimentos com apenas uma estrela. A partir de 1931, ele ganhou o critério de zero a três estrelas, que segue a lógica abaixo.
⭐ Uma cozinha de grande nível: vale a pena parar
⭐⭐ Uma cozinha excepcional: vale um desvio
⭐⭐⭐ Uma cozinha única: justifica a viagem
No início, as recomendações eram restritas para os menos de 3 mil motoristas em Paris, na França. Hoje, o guia avalia 30 mil estabelecimentos em mais de 30 países e, desde sua criação, vendeu 30 milhões de exemplares.
g1 prova peixe mais caro do mundo
Conheça a Galheta, praia famosa pela prática do nudismo em Florianópolis

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »