Tecnologia

Detran-SP: Agora dá para transferir documentação de veículos pelo celular

O Detran-SP começou a permitir a Transferência Digital de Veículos (TDV) no aplicativo do Poupatempo. Por meio do recurso, pessoas físicas podem transferir a documentação dos veículos sem precisarem ir ao cartório.

O lançamento do recurso faz parte de um cronograma de ações do Detran-SP voltadas para transformação digital. Até agosto de 2024, outras três fases devem começar a valer.

Leia mais:

Como a Transferência Digital de Veículos (TDV) do Detran-SP funciona

Carros em avenida durante pôr-do-sol
Os veículos precisam ter Certificado de Registro do Veículo (CRV-e) em formato digital para a Transferência Digital de Veículos funcionar (Imagem: Fernando Frazão/Agência Brasil)

Atualmente, a TDV vale para transferências de propriedades entre pessoas físicas de veículos que já tenham o Certificado de Registro do Veículo (CRV-e) em formato digital (emissões posteriores a 04/01/2021) dentro do território do Estado de São Paulo.

Outro ponto importante: o veículo já deve ter sido vistoriado antes do processo de transferência ser iniciado. Isto é, a pessoa precisa ter em mãos o laudo de transferência veicular aprovado.

Detran SP
A Transferência Digital de Veículos (TDV) do Detran-SP vale para transferência entre pessoas físicas no estado de SP (Imagem: Governo de São Paulo)

Confira abaixo as etapas do processo:

  • Antes de iniciar o processo de transferência, o proprietário deve ter feito a vistoria de identificação veicular – vistoria ela aprovada por empresa credenciada de vistoria (dá para pesquisar no site do Detran-SP) – há 60 dias, no máximo;
  • O veículo deve ter o CRV digital, emitido para modelos a partir de janeiro de 2021. No caso dos veículos fabricados antes disso, vale a versão em papel convertida para o formato digital;
  • Tanto o proprietário do veículo quanto o comprador precisam ter selo prata ou ouro no sistema Gov.Br (o site do governo explica os selos e como obtê-los) – e o aplicativo, disponível para iPhone e Android, instalado no celular;
  • Baixar o aplicativo do Poupatempo, disponível para iPhone e Android – isso vale tanto para o proprietário quanto para o comprador do veículo. No app, selecionar a aba Transferência de Veículos;
  • Na aba Transferência de Veículos, o aplicativo checa automaticamente: atestado de inspeção veicular em empresa credenciada, registro interno (por meio de assinatura eletrônica), registro de intenção de venda/compra do veículo e inserção de comunicação de venda;
  • Pagar a taxa de transferência (pode ser via Pix);
  • Aguardar pela transferência digital – leva, em média, cinco minutos;
  • Acessar o documento digital no nome do comprador.

O post Detran-SP: Agora dá para transferir documentação de veículos pelo celular apareceu primeiro em Olhar Digital.

Facebook Comments Box

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo
Translate »